quarta-feira, 19 de maio de 2010

O parecer ACIAGAM.


O caso ACIAGAM, do deputado Izaias Régis PTB-PE, volta com força as rodas de comentários da cidade de Garanhuns depois de uma nota distribuida a imprensa de Garanhuns e Recife com estardalhaço pela assessoria de imprensa do parlamentar. A nota contendo um parecer favorável ao deputado enviada pelo Ministério do Turismo parecia ser a carta de alforria que lhe faltava para se ver livre das acusações feitas pelo então ex-prefeito de caetés o Sr. Sampainho. Porém, não foi isso que se viu. A nota com o parecer do Mintur não surtiu efeito, e ao contrário do que pensava sua assessoria, teve um efeito muito negativo, inclusive trazendo a tona o caso. A cidade ainda assustada com o escândalo da Ponte do rio baraúnas que motivou a instalação de uma CPI inédita na história politica do município se vê de repente diante de outro escãndalo que já estava meio esquecido pela maioria da população. Acompanhamos e analizamos os efeitos deste parecer lendo a nota e os comentários dos internautas nos blogs do Roberto Almeida,Ronaldo Cesar,Agenda Garanhuns,e Blog do Jamildo (JConline), e vi um embate interessantíssimo sobre o caso com destaque para os internautas Altamir Pinheiro e o movimento VIVA GARANHUNS. E como bem disse um deles, o parecer do Min. do Turismo é um parecer TECNICO/POLITICO, que não INOCENTA e nem INCRIMINA o deputado e sua ACIAGAM. Porém, não é esse o parecer que o povo quer ver. O Povo parece sedento de justiça e o único parecer que o mesmo quer ver é o da própria JUSTIÇA (Min. Público e Policia Federal), cito estes orgãos porque o ex-prefeito Sampainho fez as denúncias nestes orgãos e não no Ministério do Turismo. Agora aqui comigo, se o deputado não teme a VERDADE e diz que não tem nada a temer então porque não entrega as prestações de contas destes eventos realizados por sua ACIAGAM ao Ministerio Público e Policia Federal e pede um parecer destes orgãos? Estes orgãos sim tem autonomia e fé pública para darem pareceres favoráveis ou não a quem quer que seja. No mais, o deputado enquanto não o fizer, jamais terá restituida a sua credibilidade junto ao povo de Garanhuns e região em relação a realização destes eventos.

7 comentários:

  1. Queremos as cópias dos contratos, das cartas de exclusividades, das cotações de preços dos cachês artísticos para ver se batem com os preços reais. Queremos as cópias de pagamentos dos tributos recolhidos pela emissão das notas fiscais emitidas por quem recebeu a grana dos eventos realizados pela ACIAGAM. Queremos depoimentos dos artistas contratados para ver se os cachês que os mesmos receberam batem com os da prestação de contas da ACIAGAM para o Min. do Turismo. Queremos cópias das OMB (Ordem dos Musicos do Brasil) de todas as bandas contratadas ppela ACIAGAM para os Festejos Juninos do Agreste. Queremos especificações técinicas dos palcos, camarotes,serviços de sonorização e iluminação bem como o depopimento dos donos destas empresas para ver se batem com a realidade. Queremos as cópias dos contratos com as rádios,tvs,outdoors,gráficas.
    Queremos cópias das notas fiscais de serviços de Hospedagens e alimentação dos artistas.
    Queremos cópias de contratos com empresas de seguranças,telões,pessoal de apoio e coordenação do evento... Enfim, queremos que todos os serviços que consumiram o dinheiro dos nossos impostos sejam prestados contas de uma forma TRANSPARENTE E RESPONSÁVEL ao Min. Público e Policioa Federal. Só a ssim esse corvos e urubus dos recursos públicos terão vergonha na cara. Quem não dever que não tema!

    ResponderExcluir
  2. Altamir Pinheiro19 de maio de 2010 14:40

    FALTA-LHE MUSCULATURA, FALTA-LHE TUTANO PARA ENFRENTAR A VERDADE, O CORRETO, O QUE É DIGNO E ÉTICO. PORTANTO, PREPAREM O SPRAY, VAMOS VOLTAR AOS MUROS!!!

    ResponderExcluir
  3. Sr. Promotor de Eventos, Izaias Régis: queremos uma nota do Ministério Público Federal.

    E não nota de reanálise do Ministério do Turismo, que diga de passagem esta na mão do PTB, partido que o sr pertence.

    Sr. Izaías não substime a inteligência das pessoas.

    ResponderExcluir
  4. A CORRUPÇÃO EM ALGUMAS CIDADES DO AGRESTE MERIDIONAL CHEGOU A NÍVEL INSUPORTÁVEL. ATOLAMOS O PÉ NA JACA, ESTAMOS METIDOS DE CORPO E ALMA NO BAIXO MERETRÍCIO DA POLÍTICA PROPRIAMENTE DITA. TUDO ISSO VIROU UM VERDADEIRO CABARÉ DE CEGO. UM ANTRO DE PROSTITUIÇÃO E JOGATINAS ADMINISTRATIVAS. POLITICAMENTE FALANDO, NOS RENDE-VOUS DE TODA SOCIEDADE, CONVIVEM DE GIGOLÔS A APRENDIZES DE PROSTITUTAS; DE ARROMBADORES DE COFRES DO ERÁRIO A PATROCINADORES DE SHOWS FICTÍCIOS; DE DINHEIRO SURRUPIADO DE CONSTRUÇÃO DE PONTES, COLÉGIOS E CASAS POPULARES A NOTAS FISCAIS FRIAS. ONDE SE VAI PARAR COM TUDO ISSO......... E A JUSTIÇA, OH!!!" TÁ NEM AÍ!!!

    ResponderExcluir
  5. Queremos a cópia desta nota com as assinaturas do PRESIDENTE da ACIAGAM bem como dos seus dirigentes. Só assim saberemos de uma vez por todas quem comanda essa máquina de fazer dinheiro. Queremos entrevistar este PRESIDENTE para saber dele detalhes destas operações com o Min. do Turismo.

    ResponderExcluir
  6. Amigo,

    deputado que é inimigo da educação, é inimigo do desenvolvimento...

    ResponderExcluir
  7. Quero ver é o parecer da POLICIA FEDERAL E MINISTÉRIO PÚBLICO, esse do Ministerio do Turismo não vale nada é só conversa para boi dormir. Vamos deputado, o sr. não é um Homem de coragem? então entregue suas contas para o Ministerio Publico investigar. Se ele der parecer favorável, o Sr. pode contar com a unanimidade dos votos do povo de garanhuns e região. Estamos espérando seu pronunciamento.

    Rejane Santos
    Centro

    ResponderExcluir